Posts com Tag ‘karma chameleon’

Nem tinha muito o que inventar no título. O lance é que na madrugada de sexta (15) para sábado (16), três quartos do Libertines — os vocalistas/guitarristas Pete(r) Doherty e Carl Barat, além do batera Gary Powell — se juntaram para uma pequena apresentação no Rhythm Factory, em Londres. Foi um tributo a Johnny Sedassy, agente do Libertines, Babyshambles e da carreira solo de Pete Doherty, dono da casa de shows, que morreu de câncer no último dia 16 de março.

Antes do Libertines, o Babyshambles subiu ao palco e mandou I Wish, Killamangiro, Delivery, UnStookietitled, Back From The Dead, Baddie’s Boogie e Albion. Aí, plateia gritando, aquela coisa… O pessoal do Babyshambles saiu de fininho (só ficou o baixista Drew McConnell) e, de repente… What a Waster soou nos amplis, Carl Barat e Pete Doherty dividiram o microfone e só então os fãs acreditaram: o Libertines estava ali, fazendo um show histórico e, pelo menos até agora, único.

Depois rolaram Up The Bracket, What Katy Did e Can’t Stand Me Now:



E, pra fechar o setlist, Time For Heroes e Death On The Stairs:


Foi isso. Infelizmente os vídeos não estão completos, mas dá pra curtir.

Depois que eles saíram, parte do Babyshambles ainda voltou e encerrou com Pipedown e Fuck Forever. Existem, é claro, muitos boatos sobre a reunião definitiva do Libertines, que não tocava junto desde 2004, mas parece que os caras não estão muito a fim, não. O site Future London Underground conta que alguém teria oferecido ao Libertines 1 milhão de libras (cerca de R$ 3.180.000) para eles fazerem uma turnê, mas os caras não quiseram. Pelo menos não são mercenários, como um monte de outras bandas.

Bom, mas já que estamos aqui e o post tá gigante, mesmo, lá vai um vídeo do Keane junto com o Pete Doherty fazendo cover de Karma Chameleon, do Culture Club, no programa My Taratata, da TV francesa:

E a quem interessar possa: Boy George saiu da cadeia no último dia 11, porque se comportou direitinho.

Acabamos de verificar um grave lapso: falamos sobre uma passagem infeliz da vida de Boy George e esquecemos de dedicar uma trilha ao momento. Então, lá vai! Trata-se de uma versão bem… trash 80’s, que a cantora Perla (a paraguaia, não a funkeira) fez para o clássico Karma Chameleon, do Culture Club, que vem a ser a ex-banda do Menino(???) George. Infelizmente não temos um clipe, mas o áudio, com uma série de fotos reunidas num vídeo feito por um fã. Diga-se de passagem, algo bem digno da música – você entenderá.

Ah, ok, você não sabe quem é a Perla… Clique aqui pra ir ao site oficial dela (sim, sim, ela AINDA está em atividade), que é de um bom gosto in-ve-já-vel (certeza: se tivesse internet nos anos 80, o site dela seria igualzinho a este atual).   E, já que tamo aqui, uma observação: no site dela tem a discografia a partir de meados dos anos 90, mas nós sabemos, Perlita, que seu passado te condena. Afinal, você “estourou” antes mesmo de regravar o Culture Club, com uma versão homônima da música Fernando (afe!) do Abba (afe!²). Ela até se apresentou com esta música recentemente no… Gilberto Barros. Atenção:
1. aos figurinos (dela e do “balé”);
2. a ela cantando junto com o playback; e
3. a cafonice da dança do “balé”

Beijonosliga!