Posts com Tag ‘css’

Do blog Popload, do sempre bem informado Lúcio Ribeiro:

A Rádio Eldorado está fazendo um abaixo- assinado muito sério para que, caso a CSS passe na Câmara e no Senado, a rádio possa entrar com uma representação para impedir que a CSS entre em vigor. O abaixo-assinado está começando e já tem mais de 50.000 assinaturas. Só que, para realmente ter peso, esse abaixo assinado precisa ter milhões de assinaturas. Nós, da sociedade civil, sozinhos não podemos fazer muito para barrar esse assalto de CSS, mas a imprensa tem força para isso… E precisa de apoio popular. Para assinar, acesse o site da Rádio.

Pra assinar, clique aqui, ó.

E aí? Curte ficar descobrindo bandas novas no MySpace? A gente, por aqui, se amarra.

Então, seguem dicas de boas bandas gringas novas que estão rolando por lá (depois fazemos uma lista das brazucas, tá?):

The Days num momento “pintou sujeira!”

The Days: pop / rock / alternativa, do Reino Unido
Pop rock indie muito, muito legal. Lembra Libertines, mas não soa como uma cópia.

Cold Hands: parece nu-metal emo. Mas não é

Cold Hands: indie / rock / new wave, do Tennessee, EUA
Passeia entre estilos e adere à onda new rave, com músicas ideais para festas. Já pra pista!

Anton Mink: blasé cool

Anton Mink: rock / indie / alternativa, de Kentucky, EUA
O vocal, feminino, lembra a Karen O., do Yeah Yeah Yeahs, e o jeitão dance pop metidão soa como brit pop. É a evolução do Cansei de Ser Sexy. Sacou?

Skank Sinatra: electro / house / big beat, do Reino Unido
Já vale pelo trocaralho do cadilho. É o batidão do Sinatra. Som eletrônico, que em alguns momentos resvala no rock. Voltemos à pista!

Zoot Woman: não é o Echo & The Bunnymen disfarçado

Zoot Woman: alternativa / pop / eletrônica, de Londres, RU
Infelizemente não está no MySpace a ótima versão que eles fizeram para “Das Model / The Model”, do Kraftwerk, mas tá valendo. Já sacou a onda, né? Som novo com ótimas influências de Kraftwerk, Joy Division, Soft Cell, Depeche Mode… Já gostei!

Tinha mais duas indicações, mas vou deixar pra outro dia, só pra poder atualizar mais aqui. Mesmo porque estes links aí já são suficientes para te divertir durante este fim de semana.

Aproveite o rock. E aproveite também pra ir tomar um solzinho e ativar sua vitamina D, pra não ficar velho logo. Eu tô indo.

Valeu!

O nosso amado governo quer ressuscitar a CPMF, sob alegação de que não existe grana para a saúde. Até parece que o que foi arrecadado desde a década de 90 até 31 de dezembro do ano passado se dedicou à saúde… Agora, sem CPMF, o governo bateu recorde na arrecadação de impostos e ainda não está contente. Vale lembrar que 40% de tudo o que a gente ganha com nosso trabalho vira imposto, mas nossa aposentadoria não está garantida (o governo esqueceu o tal “rombo na previdência”), os hospitais em geral estão péssimos e sem médicos, as escolas públicas estão péssimas e sem professores, a segurança pública parece que não tem jeito, as estradas do governo estão cheias de buracos e as privadas cobram pedágios bem altos.

Só lembro da fúria da Salette Lemos, que acabou sendo demitida da TV Cultura após este episódio:

Ah, sim! A sigla desse novo imposto (o correto é chamar de contribuição) é CSS e, por enquanto, o único CSS legal que a gente conhece é este aqui, dando show no sempre hypado Festival de Coachella, na edição 2007:

Cansei de Ser Sexy! Cansei de pagar impostos que financiam cartões corporativos – os cartões da vergonha!

Aliás, já baixou o sensacional single novo do CSS, Rat Is Dead (Rage)? Não? Então baixe aqui.