The Cure lança hoje disco do sonho

Publicado: 28/outubro/2008 em Lançamento
Tags:, , , , , , , ,

ATUALIZADO

[O outro GARI DO POP lembra que a banda lançou quatro singles e não apenas dois]

13 Dream, novo do Cure

"4:13 Dream", novo do Cure

O trocadilho tosquinho do título se deve ao título do álbum, 4:13 Dream, que chega hoje às lojas gringas, mas, como já havíamos anunciado aqui, caiu na rede há oito dias. O lançamento foi antecedido por dois quatro singles: The Only One, lançado no dia 13 de maio; Freakshow, no dia 16 de junho; Sleep When I’m Dead, em 15 de julho; e The Perfect Boy, que chegou às prateleiras no dia 5 de agosto. A primeira não tem nada demais. As outras três são bem mais legais. Recomendo!

No mais, o disco é bom, mas não surpreende. Eles misturam elementos dos anos 80, 90 e atuais. Começa com a faixa Underneath The Stars, que dura 6 min 17 seg e é lenta. Praticamente um prog goth. Eu não abriria um disco da minha banda com um som assim, mas eles devem saber o que fazem. A música seguinte é The Only One, que me lembra muito o climinha de Just Like Heaven, que promete uma curva ascendente em direção à empolgação, mas não chega lá. Eis que entra a guitarrinha de Reasons Why. O riff é bom, o teclado é bem discreto, o som, mais cru, menos anos 80, é boa pra ouvir em casa, no carro, com os amigos. Se não durasse tanto tempo (4 min 35 seg), talvez chegasse às rádios, mas o Cure já superou há muito tempo esta dependência das rádios. Bom pra eles!


Freakshow, ao vivo

A quarta música, Freakshow, tem uma pegada de pista e não é farofa – o que é um feito em se tratando do Cure. É muito boa. Poderia vir no lugar da 1ª ou da 2ª faixa. Boa pedida pras rádios também, principalmente porque não dura nem dois minutos e meio. O bpm cai com a entrada de Sirensong, que, mais uma vez, nos lembra que o Cure fez parte de toda aquela coisa gótica e pós-punk da década de 1980. Eles se redimem nas canções seguintes, Real Snow White, Hungry Ghost e Switch, que soam atuais e não com cheiro de mofo (por mais que esta última traga vocais com reverb, característica sine qua non dos clássicos trash ’80; o lance é que a guitarra faz a diferença), como a maioria das antecessoras. Como diriam por lá, “great tunes”!

The Perfect Boy tem uma boa pegada também, apesar de ser mais calma que as três anteriores. Já This. Here And Now. With You (assim mesmo, com pontos)… Bom, lembra que eu disse que The Only One “promete, mas não entrega”? Pois esta décima faixa promete e entrega. Sleep When I’m Dead, que vem em seguida, também é bem dançante e, em breve, pode tocar naquela noitada rock que você curte. Scream é mais underground com toda uma aura soturna e a bateria marcante de Jason Cooper, que também se destaca na última faixa, It’s Over, quando ainda no primeiro quarto da música começa a tocar tipo bateria de Carnaval. Confere um clima agitado pra música que tem o melhor instrumental do álbum inteiro. É pra ouvir e viajar. Claro que o vocal de Robert Smith encaixa bem na base. Provavelmente a melhor música de 4:13 Dream. Você pode assisti-la a seguir, numa versão ao vivo, durante o concerto de pré-lançamento do disco, em Roma:


It’s Over, ao vivo em Roma

Aliás, alguém tem alguma idéia de onde pode ter surgido esse nome? Será que é porque o Cure é um quarteto e este é o 13º disco de estúdio? Vai saber! O único erro, mesmo, parece ter sido escolher as duas primeiras faixas, sendo que há tantas outras melhores no CD. Goste ou não da banda, se você curte música, vale a pena dar um confere neste álbum novo do Cure.

Faixas de 4:13 Dream:
1. Underneath The Stars
2. The Only One
3. Reasons Why
4. Freakshow
5. Sirensong
6. Real Snow White
7. Hungry Ghost
8. Switch
9. The Perfect Boy
10. This. Here And Now. With You
11. Sleep When I’m Dead
12. Scream
13. It’s Over

Anúncios
comentários
  1. […] DDK Especial The Cure? Jump to Comments Aproveitando o lançamento do disco novo do Cure, o produtor e DJ Fester manda avisar que sábado, dia 1º, com ou sem chuva, rola a edição de Dia […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s